Você não precisa ser religioso para ser bom

Aconteceu algo muito bacana hoje. Eu estava no Pão de Açúcar com minha mãe e sem querer trombei com uma senhora usando o uniforme dos varredores de rua. É um uniforme bem chamativo, talvez para própria segurança da mesma. Pedi desculpas, e ainda brinquei que era tanta coisa gostosa na gôndola de doces que a gente nem sabia o que escolher. Mas ela estava com calor. O sol às 15hs estava de doer e ela se refugiu uns instantes dentro do mercado para pegar o ar condicionado.

Enquanto minha mãe parou no caixa para pagar, eu parei na frente do freezer de sorvetes italianos que o mercado têm. E pensei, vou levar um para a senhora da varrição. Está muito quente. Ninguém merece trabalhar embaixo do sol forte sem ao menos um refresco, uma pausa no dia para algo gostoso. Peguei o meu e o dela, passei os dois, e enquanto as compras eram embaladas, eu levei para ela do lado de fora. Continuar lendo

Anúncios

Por que você deve pensar em deus?

Apenas pare…

Isso, good. Agora olhe de novo para o título e se pergunte por que diabos estou falando de deus, sendo que todo mundo sabe que não acredito nisso. A questão é simples. Mas vamos lá.

Eu fui criada em meio a um sincretismo religioso do cacete. Tive contato com muitas denominações no decorrer da minha parca vida, mas nunca consegui me apegar a nada, nenhuma delas, pelo simples motivo que meu cérebro não se convence de que é possível acreditar em algo tão absurdo e tão inconcreto (existe essa palavra? Foda-se) como deus e todas as suas representações ao longo de todo o ideário religioso. Pessoalmente, admiro muito quem tenha fé, pois mostra uma força impressionante para conseguir acreditar em algo que a meu ver não existe. Continuar lendo